10 lançamentos de 2016 para amar

Que de janeiro até hoje minha lista de desejados aumentou consideravelmente é fato. Alguns dos livros eu li e rolou uma paixão intensa, outros estão na lista para que – se tudo der certo – as pessoas decidam “espontaneamente” me dar de aniversário (falta 1 mês e dois dias, anotem). A questão é que já tivemos muitos lançamentos maravilhosos – e resolvemos fazer uma lista dos 10 que mais chamaram nossa atenção. Tarefa árdua, mas conseguimos.

10 Lançamentos 2016

Arena 13, de Joseph Delaney
320 páginas – Bertrand Brasil
(resenha, compre)

Arena 13 traz o melhor do young adult que não idiotiza adolescentes, com uma era de gladiadores, em um ambiente distópico. Só por isso já dá para sentir aquele friozinho de certeza de que a leitura vai compensar. De fato, compensa. É o tipo de livro que não dá para largar e nos faz desejar a continuação logo. Uma leitura que não cansa e muito bem desenvolvida.

Simon vs. A Agenda Homo Sapiens, de Becky Albertalli
272 páginas – Intrínseca
(resenha, matéria, compre)

Já falei tanto desse livro que não sei o que mais falar para convencer você a ler. Apenas pegue o livro, leia em um dia (porque, se for um final de semana, é exatamente isso que você vai fazer) e se apaixone perdidamente pela narrativa e personagens, com toda a delicadeza que o romance merece.

10 Lançamentos 2016

Pela Noite Eterna, de Veronica Rossi
304 páginas – Rocco Jovens Leitores
(resenha, compre)

Segundo livro da trilogia da brasileiríssima Veronica Rossi – que, ok, não mora aqui há muito tempo – encanta pela distopia viciante, Perry com responsabilidades e seu lado tanto forte e bruto quanto apaixonado, e Ária como uma personagem feminina que não tem nada de convencional.

O Que Há de Estranho em Mim, de Gayle Forman
224 páginas – Arqueiro
(resenha, compre)

Mais que um romance, Gayle Forman traz uma narrativa que ressalta a importância do amor próprio, da confiança que temos que ter em nós mesmos e do quanto amizades reais e verdadeiras existem – e podem nos salvar nos momentos mais intensos das nossas vidas.

10 Lançamentos 2016

The Kiss of Deception, de Mary E. Pearson
406 páginas – DarkSide Books
(notícia, compre)

Uma distopia cuja personagem principal é forte, uma narrativa que não torna a amizade feminina como algo negativo (ou menos verdadeiro) e uma história capaz de fazer qualquer leitor ficar preso aos acontecimentos.

O Cisne e o Chacal, de J.A. Redmerski
248 páginas – Suma de Letras
(compre)

Se tem uma coisa que J.A. Redmerski não faz é subestimar suas personagens. Terceiro volume da série Na Companhia de Assassinos, o livro mostra uma face brutal, intensa e nada sutil de um universo com tudo de obscuro. Não é um livro para sentimentalistas (ou, pelo menos, não para aqueles que não querem admitir uma realidade, digamos, hardcore).

10 Lançamentos 2016

Estranherismo, de Zack Magiezi
224 páginas – Bertrand Brasil
(notícia, compre)

Ah, Zack… Se você nunca se identificou com pelo menos uma coisa que Zack Magiezi escreveu e publicou no instagram/facebook, não sei se você é humano. Estranherismo é apaixonante, arranca suspiros e teve uma edição incrível da Bertrand Brasil. Dá uma folheada, vai ver que estou falando apenas a verdade.

Garoto 21, de Matthew Quick
272 páginas – Intrínseca
(compre)

Matthew Quick tem aquela escrita única, elaborada, mas que todo mundo consegue entender. Ele é realista, fala de forma cômica sobre assuntos sérios e traz uma narrativa que é totalmente viável na realidade. Por isso seus livros são sempre maravilhosos. Garoto 21 não é diferente.

10 Lançamentos 2016

E se for você?, de Rebecca Donovan
416 páginas – Globo Alt
(notícia, compre)

Fofo, um new adult que traz duas personagens apaixonantes e a narrativa romântica de Rebecca Donovan. Ideal para quem já ama a autora, ou gosta muito de Colleen Hoover (sobre quem falaremos abaixo). Escrita leve, que prende a atenção.

Talvez um Dia, de Colleen Hoover
368 páginas – Galera Record
(compre)

Se Colleen Hoover não te conquistou com nenhum dos outros romances já publicados pela Galera Record, então chegou a hora. Talvez um Dia encantou leitores em vários países e, mais uma vez, um new adult traz romance, intensidade e boa história das mãos de uma autora muito talentosa para as nossas, ansiosas.

Deixe seu comentário

* campos requeridos

Comentar via Facebook