Revista | Fotografia: O ser Artista

Em uma conversa de bar com uma amiga discutíamos exatamente sobre meu bloqueio em escrever qualquer coisa relacionada à fotografia. Ela me perguntou: e o que você gosta de falar sobre isso? Pensei por uns momentos mais breves do que pareciam ser e respondi: Eu sou uma pessoa que mais escuta do que fala. Escuto […]

Revista | Pole dance é para todo mundo?

Se você pensar em pole dance, qual imagem lhe vem à cabeça? Provavelmente você vai imaginar uma mulher com corpo dentro dos padrões sensualizando enquanto dança e, possivelmente, trabalhando como stripper. Acertei? Pelo que vejo, se a pessoa não tiver contato com a dança ou não conhecer quem a pratique, essa é a imagem preconcebida […]

Revista | Pole dance é também liberdade

Ao pensar em pole dance as primeiras imagens que surgem na cabeça da maioria das pessoas são: dança de boate e strippers. E essas imagens foram reforçadas ao longo dos anos por filmes hollywoodianos, novelas e clipes musicais. Afinal, quem é que não lembra da Demi Moore dançando em Striptease? Ou, no caso do Brasil, […]

Revista | A arte não é opcional

Neste exato momento, parada em frente à tela branca do word, não pude deixar de lembrar e até mesmo de relacionar meu passeio à exposição “The art of the Brick”, do artista Nathan Sawaya, com o fato de ter em mãos a chance de criar algo que expresse de forma razoável minha perplexidade diante da […]

Revista | A arte transcende

O desafio do mês é falar sobre arte. Desafio nenhum escrever um pouco sobre algo tão vital para a existência humana. Afinal de contas, quem somos nós sem a arte? A arte é o coração que bate, pois a arte equilibra a racionalidade humana. A arte nos move. Acho tolice a tentativa de definição da […]

Resenha | Dois Irmãos, de Milton Hatoum

Irmãos gêmeos. Idênticos fisicamente, porém, com personalidades completamente opostas. Omar e Yaqub tinham tudo para ser unidos, mas desde seu nascimento é nítida a diferença entre os dois; enquanto Yaqub nasceu saudável, cresceu forte, inteligente e obediente, Omar nasceu doente, sem paciência para os estudos, extremamente desobediente e irresponsável. Além de tudo isso, ele também […]

Análise Crítica | The OA: uma aposta da Netflix

Imagine que uma jovem cega some por anos — e volta enxergando perfeitamente bem, mas visivelmente abalada e traumatizada. Essa é Prairie, ou Nina, ou simplesmente OA, interpretada por Brit Marling; criada e produzida pela própria, em parceria com Zal Batmanglij que também assina a direção. Brat Pitt é um dos produtores executivos. E The […]