Resenha | Nove Regras a Ignorar Antes de Se Apaixonar, de Sarah MacLean

Nove Regras a Ignorar Antes de Se Apaixonar
Autor(a): Sarah MacLean
Editora: Arqueiro
Páginas: 384
Avaliação: 5
Capa: 5 Diagramação: 5 Conteúdo: 5

Preciso começar dizendo que Sarah MacLean oficialmente entrou para minha lista de autoras favoritas de romances históricos. Lista que, até então, só tinha uma autora: Julia Quinn. Nove Regras a Ignorar Antes de Se Apaixonar é romântico, engraçado e tem personagens inesquecíveis.

Dito isso, a história é simples: Callie é uma solteirona de 28 anos apaixonada. Apaixonada não apenas porque a ideia de romance sempre a fez suspirar, mas também porque, no ano que foi apresentada oficialmente à alta sociedade londrina, ela conheceu o amor não correspondido de sua vida.

Esse amor é Gabriel St. John, o marquês de Ralston. Ele volta para a sua vida quando, após aguentar comentários julgando seu status e salientando seus defeitos, Callie decide fazer uma lista de nove coisas que quer fazer. Lista essa que, caso decida manter a reputação intacta, jamais poderá fazer.

O primeiro item? Ser beijada… Apaixonadamente. Essa sua nova versão, ainda temendo se abrir para aventuras, decide arriscar tudo que uma mulher de sua época pode ter em nome de uma vida da qual se arrependa menos.

A primeira coisa que me chamou a atenção no romance foi como a narrativa simplesmente flui. É aquele livro que a gente pensa “só mais um capítulo” e, quando nota, já são 4h da manhã e você precisa dormir um pouco (sim, aconteceu). Isso porque, por mais que aborde todos os costumes e pensamentos da época, as coisas se desenrolam e tomam ritmo.

O que não bastaria se Callie fosse apenas uma mulher que chora o tempo todo sobre os pedidos de casamento que nunca recebeu. Quer dizer, fica claro que ela tem seus momentos de insegurança e que nota que é fora dos padrões de moda da época, mas, quando somos apresentados à ela, Callie está prestes a tomar atitudes.

Gabriel tem aquela cota de sempre de passado que justifica todas as suas atitudes libertinas, mas gosto de como a autora fala sobre isso. Mais, gosto de como a autora cria o perfil de Gabriel para nós, leitores. Ele é irônico, mas direto; tem todo o charme, mas não é um mero egoísta. E, sem dúvida, suas atitudes mostram desde muito cedo que ele é um homem que fala pouco e faz muito – sabemos que ele está apaixonado muito antes dele mesmo saber.

A química dele com Callie funciona (e explode e encanta e nos faz suspirar). Mas o livro também não é só eles. Mari, irmã de Callie, e Juliana são personagens incríveis, com muita atitude, postura e personalidade. E trazem um ar mais jovem à história.

A lista de Callie cria situações muito, muito engraçadas e, bem, quentes. Ainda que, verdade seja dita, previsíveis. O aparente defeito não foi suficiente, entretanto, para me impedir de dar sorrisos enquanto lia o desenrolar de tudo.

Nove Regras a Ignorar Antes de Se Apaixonar é um romance de época de primeira e recomendo para todo mundo que não resiste ao gênero (de verdade, não tem como não gostar).

Deixe seu comentário

* campos requeridos

Comentar via Facebook