[Resenha] Shadowspell, de Jenna Black

Shadowspell
Autor(a): Jenna Black
Editora: Universo dos Livros
Páginas: 280
Avaliação: 4.3
Capa: 5 Diagramação: 4 Conteúdo: 4

O segundo livro da saga de Dana é um desenvolvimento de sua vida em Avalon. Mais conquistador, senti uma necessidade muito maior de terminar de ler o livro, pela leitura ter me pego de um jeito que quis conhecer mais, saber mais, além de criar perguntas que eu queria respostas (e nem todas vieram, claro), o livro é uma leitura agradável na qual aproveitamos para conhecer mais sobre Ethan, passando a entendê-lo melhor, assim como suas ações.

Dana, o foco da história, é quem mais é desenvolvida. Seus pensamentos são descritos durante toda a narrativa, permitindo que tenhamos suas mesmas dúvidas e acompanhemos a história de acordo com o que ela descobre ou as ações que sabe que aconteceram.

Não descobrimos nada antes dela, não queremos gritar com ela para falar que ela está fazendo algo certo ou errado, ou que deveria arriscar mais ou menos. Acompanhando a narrativa com ela, pegamos um carinho maior pela personagem e conseguimos nos aproximar mais dela. Afinal, são sentimentos, e muitos de nós passam por sentimentos semelhantes.

Ainda que tenha muitos pontos positivos e desperte a curiosidade, considero o início do livro apenas páginas. Melhor dizendo, páginas vazias. Não há nada realmente palpável a ponto de acrescentar muito à nossa leitura, nem algo que nos prenda totalmente a leitura. Isso ocorre depois, quando as ações vão acontecendo, e a história – finalmente – começa a se desenrolar.

Em Shadowspell, Jenna Black consegue pegar a história e transformá-la em uma trilogia interessante, cujo desenvolvimento nos prende até a última folha do último livro. Ao terminar o segundo, deixo a dica de ter em mãos o terceiro, a vontade de continuar lendo, de descobrir o que vai acontecer com todos os personagens, é tão grande que nos deixa extremamente curiosos.

Deixe seu comentário

* campos requeridos

Comentar via Facebook